Eu bi um xapo

Friday, May 20, 2005

Olé camaradas

Meus queridos amigos, ataum está tudo légáu?? Por aqui vai-se andando, em recuperação física e financeira da semana académica...!! Eu nem estou mal pois a minha veia idosa não permitiu que saísse todas as noites..as que saí gostei e diverti-me muito embora me faça confusão o facto de haver tanto cheiro a urina naquele Queimódromo! Chiça, todo ele era um mijo! Vi cenas do demo, desde jovens casais a correr para dentro das casas de banho para...fazer xixizinho aos pares até duas respeitosas senhoras a roçarem-se literalmente uma na outra em cima do palco! Ok, não quero parecer uma jovem fascista mas que aquilo foi abusivo...isso foi!!!
Depois da tempestade vem a bonança e, embora eu preferisse continuar em alto mar, tenho de descer à terra e mentalizar-me de que daqui a 15 dias terei exames e mais exames, aos quais convém ir e passar!!
Desejo boa sorte a todos e muitos beijolões.

Teza

Thursday, May 05, 2005

Lamechices

Bom dia. Triste estou e triste ando.... Há coisas que nos fazem pensar e reflectir no que até aqui temos andado a fazer. Cada vez mais me apercebo de que a vida é um "ai", passando a uma velocidade estonteante e por vezes desconcertante. Não consigo conceber que percamos tempo com efemeridades que nos vão desgastando o corpo e a alma.
Por mais que exponha este meu ponto de vista, as coisas parecem não correr bem. Talvez o erro esteja também no facto de me dedicar a tudo e todos de corpo e alma, esquecendo-me do meu bem estar pessoal. Amigos, ouçam (ou leiam ou seja lá o que for) o que esta canuca tem para dizer... Dediquem-se, estimem e gostem mas mantenham um pé em terra firme de modo a que o vosso amor-próprio nunca seja invadido e muito menos, destruído. É conselho e, felizmente, não é baseado em experiência pessoal, apenas em prenúncios indesejados.

Beijos e um abraço. Sejam felizes.

Monday, May 02, 2005

Xapas do nosso coraxon

Dedico este espacinho às mães! Passou o dia da Mãe e, embora não precise disso para me lembrar da minha, é sempre bom recordar quem tão bem nos faz e tão indispensável é. Daí vem o meu agradecimento por tudo. Um obrigada que se estende a todas as mãezinhas que, mesmo não estando connosco nos deixaram alguém bonito e importante para alegrar as nossas vidas. Um beijo enorme e..... curtam a Queima.